Blog/
Ao redor do mundo | Bolo de Casamento


O amor é universal, mas, as tradições de casamento podem variar um pouco (ou muito) de uma cultura para outra.

Como forma de simbolizar o início de uma vida a dois, o bolo é um item sempre presente em qualquer festa, ganhando diferentes formatos, sabores, cores...e características muito peculiares de acordo com cada país. Quer ver?

França: Esse, em nada se parece com os nossos bolos. O Pièce Montée (peça montada) é composto por uma “pirâmide” feita com profiteroles recheados com creme de confeiteiro e cobertos com uma camada de caramelo, sendo chamado também de Croquembouche (crocante na boca). Além dos casamentos, é comum servi-los em outros eventos, como: batizados, aniversários, etc.

 

 

Inglaterra: Na terra da rainha, é costume servir bolo de frutas coberto com creme de manteiga ou fondant, assim como no casamento real do príncipe William e Kate Middleton, que tinha oito camadas e recebeu uma cobertura de glacê branco. Será que o Príncipe Hary e Meghan Markle, que se casam no dia 19 de maio, manterão a tradição inglesa?

 


Bolo do casamento real

 

China: Simbolizando a felicidade, os bolos de um casamento chinês são chamados de “dragão e Phoenix”. Feitos de pasta de semente de lótus, pasta de feijão vermelho ou verde, com recheio doce, são sempre muito criativos e coloridos, geralmente com detalhes em dourado e vermelho.

 

 

Grécia: Esse serve perfeitamente para quem for celíaco. Os bolos de casamento gregos são feitos sem farinha e tem como ingredientes principais: mel, sementes de sésamo (gergelim) e marmelo, que simbolizam o compromisso duradouro entre os noivos.

 

 

Itália: Uma opção italiana é o Millefoglie, que é feito com camadas de massa folhada, chocolate, creme de baunilha e morangos. Outra opção é o Zuppa Inglese, que trata-se de uma sobremesa parecida com pavê, podendo ganhar vários sabores.

 

 

Islândia, Noruega e Dinamarca: Nos três países nórdicos, é comum saborear o Kransekake, que literalmente significa bolo de aros. Feito basicamente de amêndoas, açúcar de confeiteiro e clara de ovo, a massa ganha o formato de anéis que são empilhados. No centro, preenche-se com doces ou chocolates finos.

 

 

Suécia: Prinsesstarta ou bolo princesa, o bolo suéco possui formato de cúpula, feita de marzipan verde, recheado com creme de baunilha e uma camada generosa de chantilly.

 

 

Jamaica: Também chamado bolo preto, o bolo jamaicano leva muito conhaque e ingredientes como passas e ameixas secas hidratadas no rum.

 

 

Lituânia: Também conhecido como Sakotis, o bolo lituano contém ervas e é adornado com flores. Seu nome significa “árvore ramificada” ou “árvore com muitos galho” devido a seu formato.

 

 

Ucrânia: O korovai nada mais é do que um grande pão doce, arredondado e decorado na forma de bolo. É um dos elementos fundamentais do casamento ucraniano tradicional.

 

 

Argentina: Nas terras dos nossos querido hermanos, não se joga o buquê (nem o bolo, ok? rsrs). Lá, o bolo recebe várias fitas, sendo que apenas uma traz uma aliança. No momento em que é cortado pelos noivos, as convidadas solteiras puxam as fitas ao mesmo tempo e quem achar primeiro a aliança, é a próxima a subir ao altar.

 

 

E aí, qual deles você achou mais interessante?

Aqui, em terras brasileiras, também não falta diversidade e criatividade quando se trata de bolo de casamento. Prova disso, são as incríveis criações da Jacke Bolos e Doces, que é um verdadeiro sucesso. Conheça mais!

 


Um dos últimos trabalhos feitos pela Jacke

 

Rua Curitiba, 1390 | Centro | Telefone: 46 3524 1012 |Francisco Beltrão/Pr.

Telefone:  (46) 3524-1012

Facebook (httpss://www.facebook.com/jackebolosedoces

 

Horário de funcionamento:

Segunda a sexta-feira: 08h30 às 11h30 e das 14h00 às 19h00

Sábado: 08h30 às 12h00 e das 13h30 às 16h00




Deixe seu comentário